Rendição…

Eu que sempre odiei conduzir tive de me render… No final do mês devo receber um carrinho de presente para tornar menos caoticas as minhas idas e vindas do trabalho… vamos ver no que isto dá…

Desabafo…

Finalmente tornei-me uma adulta a sério (ou aproximei-me um bocadinho mais disso…) e talvez um pouco precipitadamente, aceitei um emprego, com a minha dissertação por acabar e para entregar em Setembro, pelo que a minha vida se complicou um bocadinho. Agora só tenho tempo para dormir e pouco mais… Ainda por cima talvez a escolha deste trabalho não tenha sido a melhor, embora na minha área e numa grande empresa, é aborrecido e monótono, ficando praticamente sem desafios ou oportunidades para usar os meus conhecimentos ou criatividade…

E depois o dilema, que dantes era meio metafísico mas agora tornou-se bastante substancial, nos caminhos a escolher devo seguir os meus sonhos, ou optar pela estabilidade e segurança? E o medo de falhar nas decisões tomadas…

Já para não falar de praticamente todos os meus hobbies terem se esfumado… Tive de desistir da rádio, a hipótese de voltar a fazer natação esta indefinidamente adiada, não tenho tempo sequer para responder aos comentários aqui do blog. Concertos fazem parte do passado e começo a pensar que até os amigos vão começar a reduzir-se…

Realmente ser adulta, era muito mais divertido visto do lado de fora…